Sinal Verde para o Minho - in Revista de Vinhos

2014-06-30

O ano de 2013 não foi generoso, mas os Vinhos Verdes não se deixaram abater. Argumentos tecnológicos na adega, progressos na viticultura e uma aposta forte nas castas garantem resultados finais muito positivo, com vinhos personalizados, alegres, versáteis e equilibrados. Há sempre problemas para resolver, mas o caminho faz-se caminhando. E as exportações estão em alta.

Ver artigo completo

voltar

Comunicação

by fullscreen © 2018 Quinta de Covela . Todos os direitos reservados